quarta-feira, 29 de março de 2017

Inscrições Abertas: Palestra Doenças que podem ser transmitidas pelo Aedes aegypti

Inscrições:   aqui    (até o dia 6 de abril de 2017 – quinta-feira)

Caxias do Sul instala 1º ponto de ônibus com teto verde (que ainda produz energia solar)


Caxias do Sul, no Rio Grande do Sul, tem novidades! A cidade ganhou uma intervenção urbana, batizada de Parada Verde. Na verdade, trata-se de um projeto de restauração de um ponto de ônibus, idealizado pelo escritório de arquitetura sustentável ecco! archi studio, em parceria com a empresa de transporte coletivo Visate.

A iniciativa transformou o local em uma parada de ônibus ecológica, com a intenção de oferecer aos usuários um contato impactante e criativo com o tema Sustentabilidade.

O projeto aproveitou a estrutura original do ponto de ônibus, fazendo pequenos ajustes para que fosse capaz de receber um teto verde, que traz benefícios ambientais, térmicos e visuais para a cidade.

Além disso, foram instaladas também duas placas fotovoltaicas no local, que tornam a parada energeticamente autossuficiente, oferecendo eletricidade para alimentar pontos de recarga de celular e garantir a iluminação da região com lâmpadas LED.

Nos bancos e no próprio telhado ainda foram utilizadas madeiras plásticas, que aproveitam resíduos da indústria moveleira em sua composição. E mais: assentos antigos de ônibus foram reformados e reaproveitados no local, que está protegido com vidro laminado, garantindo conforto, segurança e proteção contra intempéries.

Junto com a inauguração da parada, a Visate ainda lançou, em parceria com a Volvo, o primeiro ônibus híbrido de Caxias do Sul, movido a biodiesel e eletricida

Água do rio Jundiaí é considerada boa pela 1ª vez após 20 anos de recuperação

Relatório do SOS Mata Atlântica aponta a água é considerada 100% boa. Principal espécie de peixe, o Jundiá, está retornando ao rio.

Um levantamento inédito da SOS Mata Atlântica aponta que, após quase 20 anos de trabalho de revitalização, a água do rio Jundiaí foi considerada 100% boa, no trecho da cidade de Salto (SP), próximo à foz do rio Tietê. Do total de 134 coletas feitas em rios do Estado de São Paulo, apenas quatro tiveram o mesmo resultado.
A pesquisa, realizada em janeiro e fevereiro deste ano, concluiu que a água do rio Jundiaí é regular, pois passou de classificação 4 para 3.
Para a associação, a mudança deve-se principalmente a atuação do Consórcio de Despoluição do Rio Jundiaí e do Comitê de Bacias Hidrográficas, que cuida da coleta, tratamento de esgoto, recuperação de matas ciliares e ampliação de unidades de conservação estaduais e municipais na bacia.
"No ano passado, o Conselho Estadual de Recursos Hídricos aprovou um pedido da bacia dos rios Piracicaba-Capivari e Jundiaí para que um trecho do rio, que já estava recuperado, fosse levado à classe 3, que já permite a captação da água para tratamento e abastecimento humano, lazer, vida aquática, produção de alimentos. Ou seja, é um rio quase completo para o uso", explica Malu Ribeiro, coordenadora da SOS Mata Atlântica.
A qualidade da água, segundo a SOS Mata Atlântica, possibilitou a volta do peixe Jundiá ao rio, que não era visto em seu habitat natural desde 1980. Com a despoluição do rio, a partir de 2013 voltou para a água e é presença comum na região.
Peixe Jundiá voltou a ser visto no rio Jundiaí a partir de 2013 (Foto: Sidney Martins/Terra da Gente)


quinta-feira, 16 de março de 2017

Divulgação | Programação de Outono na UMAPAZ


Inscrições Abertas: Curso Articulação de Agentes Socioambientais Territoriais

O Programa Carta da Terra em Ação, sempre buscando potencializar a rede de agentes socioambientais urbanos, abre inscrições para o curso “Articulação de Agentes Socioambientais Territoriais”, realizado em parceria com o SESC Itaquera.

Partimos do pressuposto que, para o fortalecimento da rede de transformação da cidade, é fundamental que os diversos sujeitos que já estão atuando no território se aproximem cada vez mais. Este curso pretende ser um espaço de aprofundamento de conceitos e fundamentos para esta atuação, bem como de aprimoramento de ferramentas que colaborem com ações de caráter coletivo, diverso e complexo, visando mudança de postura com relação a cidade.

O curso parte do recorte territorial dado pela Bacia Hidrográfica do Rio Aricanduva e se pergunta: Quais os potenciais educadores destes territórios? Quais ferramentas de atuação socioambiental podem ser relevantes para ativar a cidadania e trazer protagonismo na transformação territorial? Como a Educação Ambiental e a Cultura de Paz podem ser aliadas nesta transformação?

Confira a programação e se inscreva em:
https://goo.gl/Ozgpx4

                                                

quarta-feira, 15 de março de 2017

Reunião com Secretaria dos Transportes

Nesta 3a. feira,dia 14 de março, representantes da Ciranda, entidade da qual Sajape e Sababv fazem parte, estiveram em reunião com diretores da CET para apresentar demandas da comunidade. Entra as principais estão a retomada do programa de moderação do tráfego, incluindo as rotatórias, a revisão da malha cicloviária e o minianel de Santo Amaro, que vai reduzir o trânsito de passagem pelos bairros, O diretor de Planejamento, Sebastião Martins, e a Superintendente da CET, Nancy Schneider, comprometeram-se a analisar as solicitações no prazo de quinze dias, e aceitaram o convite para uma nova reunião, desta vez em nossa sede.

quinta-feira, 9 de março de 2017

Parque Alto Boa Vista

Prezados vizinhos,
esse ano já participamos de 4 reuniões com a prefeitura regional de Santo Amaro e na SVMA - Secretaria do Verde e Meio ambiente  a fim de informar  aos novos gestores  do andamento das obras e limpeza  do parque Alto da Boa Vista e nossos projetos de doação dos módulos habitáveis para esse parque.
Alem das reuniões na prefeitura regional  e na SVMA no Paraíso, já fizemos 3 vistorias no parque junto com o atual prefeito de Sto Amaro, Sr. Roberto Arantes Filho, o novo Secretário do Verde e Meio Ambiente, Sr.  Gilberto Natalini e vários integrantes  da SVMA.

Ontem fomos mais uma vez ao parque, desta vez acompanhados  dos  coordenadores do DEPAVE 1 e 5 : Juliana, Andréa, Tamires e Rodrigo e a administradora do parque Alto da Boa Vista e parque do Cordeiro Patrícia Niza,  para tentarmos dar início ao planejamento de limpeza e projeto do traçado dos caminhos de acesso ao parque. Dependemos da limpeza do parque e das definições de local para os módulos,  para podermos dar andamento na encomenda dos mesmos.
Há uma empresa particular roçando o parque a pedido do Natalini, o que já deu uma boa ideia do que ainda precisa ser feito pois o mato e a vegetação invasora, como por ex: Ipêzinho e bambu, têm escondido os entulhos. Ainda há muito entulho para ser retirado.
De acordo com esses coordenadores que estiveram no parque,  será traçado um plano de trabalho e um orçamento para a limpeza e projeto de obras mínimas necessárias para a abertura do  parque, incluindo as calçadas.
Vamos aguardar as novidades..





quarta-feira, 8 de março de 2017

Programação do Parque do Cordeiro - Martin Luther King

Atividades Fixas:

TAI-CHI: domingos às 09:00h e    segundas às 07:00h
LIAN GONG: terças às 07:30h
XIANG GONG: quintas às 07:30h
MEDITAÇÃO: sextas às 13:00h
YOGA: 1° sábado do mês às 10:00h
DANÇA CIRCULAR: 3º sábado do mês às 15:00h
JAM DO CORDEIRO (apresentação musical): penúltimo domingo do mês às 10:30h
REIKI: 1º domingo do mês das 10:00 às 12:00h
SERTÃO VEREMOS (apresentação musical): 2° domingo do mês às 11:00h

 REIKI: 10 e 24/03 a partir das 07:30h
 KUNG FU: 11/03, 08/04, 13/05, 10/06, 12/08, 02/09, 07/10 e 11/11
 das 15:45 às 16:30h: de 5 a 7 anos
       16:30 às 17:30h: acima de 8 anos

Propaganda irregular

Poluidores, atenção!!
Atendendo à solicitação da Sajape, o supervisor de fiscalização da Prefeitura Regional de Santo Amaro colocou sua equipe em campo para retirar a publicidade irregular que polui nossos bairros.  
Além de remover mais de 30 faixas anunciando serviços de uma mesma vidente, a fiscalização autuou a infratora em R$10 mil. 
Esperamos que a ação seja suficiente para evitar novas infrações, mas cada morador deve ficar atento. A qualquer irregularidade, entre em contato com a associação de moradores do seu bairro.

Biblioteca dedicada à Educação Ambiental


Uma biblioteca diferente – até no nome. Assim é o Espaço Sapucaia (o nome, em tupi, significa “olho que se abre”, e também denomina uma árvore), uma biblioteca com acervo dedicado à educação ambiental e à cultura de paz. Criada em 2008 para facilitar o acesso do público aos assuntos relacionados à sustentabilidade, ela pertence à Universidade Livre do Meio Ambiente e Cultura de Paz (UMAPAZ), instalada dentro do Parque Ibirapuera. Além das 4 mil obras do acervo (com livros, trabalhos técnicos, artigos, reportagens e multimídias), o espaço oferece outras atividades, como a “Aventura Ambiental” (para crianças) e eventos pontuais, como o especial sobre a chegada do outono, no dia 20 de março, às 16h.
http://www.prefeitura.sp.gov.br/…/meio_…/noticias/index.php…



Inscrições Abertas: Formação de Agentes Socioambientais Urbanos

Olá amigos,

Estão abertas as inscrições para a 14ª Turma de Formação de Agentes Socioambientais Urbanos do Programa Carta da Terra em Ação.

 Até o dia de 20 de março ficam abertas as inscrições para mais uma jornada coletiva em busca da construção de uma cidade mais sustentável e educadora. A 14ª Turma da Formação tem uma abordagem transdisciplinar e visa formar agentes engajados com a transformação da cidade. Faremos isso por meio de um processo de aprendizagem aberto, estruturado em ciclos de aprendizagem. O curso é aberto a todos os interessados e articuladores locais são sempre bem-vindos. Pedimos se possível, que divulguem em suas redes para que possamos chegar a todos os cantinhos dessa grande metrópole.
Encontre a programação completa e o formulário de inscrição no  Blog do Programa Carta da Terra em Ação



 Equipe Programa Carta da Terra em Ação
Formação - DEA | UMAPAZ - SVMA
(11) 5908-3800 | cartadaterra@prefeitura.sp.gov.br 
Av. Quarto Centenário, 1268. Portão 7A ­­— Parque Ibirapuera